Estudantes participam de programa ambiental em Maresias

Entre os dias 22 a 24 de junho, os alunos da 1ª série do Ensino Médio – Unidade Pindamonhangaba e Taubaté, se aventuraram na Maratona Ecológica em Maresias, São Sebastião (SP). A viagem trouxe conhecimento sobre os problemas enfrentados no planeta como, por exemplo, a fome, devastações de florestas, aquecimento global e falta d’água.

O projeto Maratona Ecológica tem como objetivo mostrar aos jovens a importância do meio ambiente e debater sobre o ecossistema. Nos três dias, eles promoveram discussões, participaram de palestras e apresentaram trabalhos sobre os seguintes pilares: energia, água, alimento e matéria prima.

No primeiro dia, os aventureiros conheceram a aldeia Rio Silveiras em Bertioga que abriga índios de etnia Guarani, puderam viver a cultura local, compreender as diferenças do povo indígena e até participar de danças culturais, como, por exemplo, a Dança do Guerreiro. “Conhecer a tribo indígena ultrapassou minhas expectativas. Ver como a vida deles é diferente da nossa, foi uma experiência única”, disse a aluna Isabella Marcondes da Unidade de Pindamonhangaba.

Já no segundo dia, os estudantes percorram a trilha Jussara em Boiçucanga de 126 metros com subidas íngremes. Eles aprenderam sobre o reflorestamento natural, características da vegetação local e tiveram contato direto com o bioma da Mata Atlântica. Os alunos também puderam vivenciar a vida de pessoas que estão engajadas com o meio ambiente.

“É muito diferente ver aqui o que nós vemos na escola. Conhecer a Mata Atlântica foi uma experiência incrível! Além das risadas e tombos”, conta o aluno João Pedro Muhlbauer da Unidade de Pindamonhangaba.

No último dia de viagem, eles tiveram uma pequena aula sobre o costão rochoso na Barra do Sahy, o qual abriga diversos animais aquáticos e vegetação. A visita no manguezal despertou atenção e responsabilidade sobre o meio ambiente, pois é um ecossistema entre o ambiente marinho e terrestre.

Clique aqui para conferir as fotos dessa viagem!