Alunos organizam festa de Dia das Crianças em projeto social de Taubaté

Com direito a música, gincana, lanche especial e visita de personagens, crianças e adolescentes do Projeto Hapet tiveram um dia diferente e trocaram experiências com os estudantes do Colégio Progressão.

Na tarde desta quinta feira (10), os alunos assistidos do Projeto Hapet receberam os estudantes do Colégio Progressão para uma festa de Dia das Crianças. Na ocasião, todos puderam interagir e trocar experiências durante as brincadeiras da gincana promovida pelo projeto, além de desfrutar de um dia diferente.

O evento, organizado pelos alunos do Progressão, faz parte de um dos trabalhos desenvolvidos no projeto ‘Um passo para mudar o mundo’. “A gente vem pensando nisso [no desenvolvimento do projeto] há alguns anos, e neste ano nós resolvemos colocá-lo em prática”, explica a professora Beatriz Borges, que é uma das orientadoras do projeto. “Com as crianças, muitos alunos falaram da necessidade de serem carentes e precisarem de auxílio, pois eles queriam poder participar desse processo [de ajuda].”, completa. Para isso, os alunos se reuniram semanalmente e organizaram para ministrar oficinas com os alunos do Hapet. Para Milena Sales, aluna do 7º ano do Colégio Progressão, as visitas feitas ao longo do mês trouxeram experiências únicas e amigos novos. “Eu vim por causa do projeto e eu achei muito legal conhecer todo mundo aqui, porque todos são muito divertidos […]. Eu acho muito importante a gente ter outras amizades e quero vir mais vezes aqui”, conta.

E toda a ação promovida pelos alunos envolve um aprendizado mútuo. “Os alunos daqui [Progressão] quando vão até nós [no Hapet] entendem que são pessoas diferentes, que vivem em condições diferentes. Também, os nossos assistidos, quando recebem esses adolescentes de uma escola particular, têm essa noção de realidade diferente, mas todos criam a consciência de que, apesar disso, todos são iguais”, explica Tine Tine H-E Andreassen Lopes, fundadora do Hapet. “Os adolescentes e as crianças precisam compreender como é o mundo. Cada um pode fazer uma diferença, cada um pode ajudar com alguma coisa e o despertar do amor pelo próximo é algo que precisa ser feito desde criança, precisa ser uma cultura mesmo”, completa Tine.

Sobre o Projeto

O Projeto Hapet – Esperança, Criança e Família é uma organização sem fins lucrativos que atende cerca de 90 crianças e adolescentes moradores da região do Barreiro, em Taubaté. No contraturno das aulas regulares na rede municipal, os estudantes realizam atividades pedagógicas, aulas de informática, artesanato, línguas e esportes, bem como possuem atividades de prevenção relacionados a sexualidade e drogas. Os alunos também têm acesso a atividades recreativas, bem como trabalhos voltados à cidadania e preservação ambiental, arte terapia e alimentação. Além dos alunos, o Hapet também faz o trabalho de assistência social juntamente às famílias dos assistidos.

Para saber mais, acesse: https://www.hapet.org/

 

Confira o vídeo: