MEC faz alerta sobre diplomas de pós-graduação obtidos no exterior

Por Gerson Monteiro

Em nota divulgada no último dia 15, o Ministério da Educação faz alerta sobre a qualidade dos diplomas de pós-graduação obtidos no exterior. O MEC afirma que, na década passada, quase 10 mil brasileiros obtiveram títulos de instituições de ensino estrangeiras e a qualidade dos diplomas “era tão baixa que, numa primeira leva de mil, apenas um logrou reconhecimento no Brasil.”

De acordo com o ministério, algumas instituições estrangeiras, principalmente do Paraguai, estariam prometendo o reconhecimento imediato do diploma no Brasil. A nota, assinada pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Ensino Superior (Capes) e pela Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec), ressalta que, no Brasil, o reconhecimento só pode ser feito mediante análise individual realizada por uma universidade pública. “Não há reconhecimento automático de nenhum título de pós-graduação no Brasil”, diz o texto.

O ministério diz ainda que está preocupado com a “mercantilização” do ensino superior. “Nossa preocupação é que esteja se repetindo o processo de mercantilização e ganância sobre o ensino pós-graduado no Brasil”.

Fonte: Agência Brasil

Compartilhe esse conteúdo

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn