USP adia curso a distância para 2010

Graduação à distância só em 2010.

A Universidade de São Paulo (USP) adiou o início da primeira graduação à distância, que deveria começar em setembro, para 2010. Os motivos são a defesa dos grevistas pelo fim do curso e o impasse entre a Secretaria de Ensino Superior e a universidade sobre o modelo do projeto, que dá ao governo o controle do curso.

Uma previsão é que ele seja implantado dentro da Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp), que reúne as universidades públicas para oferecer cursos à distância, e seja financiado pelo governo (R$12 milhões por cinco anos, com 360 vagas anuais). Outra hipótese é que a USP banque o curso. De qualquer forma, ele só será implantado em 2010.

A USP não divulgou oficialmente o adiamento, mas o secretário de Ensino Superior, Carlos Vogt, vê como improvável a manutenção do calendário.

Compartilhe esse conteúdo

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn